Almada | Curtas na Margem

Festival de curtas realizadas por alunos almadenses, tem como mote a comemoração dos 50 anos do 25 de Abril

O Porco Voador, Colectivo Artístico em parceria com Academia de Instrução e Recreio Familiar Almadense (AIRFA) apresentam a Sessão de Premiados da 2ª edição do Festival “Curtas na Margem”, que decorrerá dia 8 de Maio entre as 15h e as 18h, na Academia Almadense. A entrada é livre.

Nesta ocasião serão exibidas as 15 curtas-metragens seleccionadas pelo júri, composto por nomes como o realizador Fernando Galrito e o escritor Gonçalo M. Tavares, entre outros profissionais da área cinematográfica, por educadores e personalidades ligadas à história contemporânea portuguesa. Serão concedidos o Grande Prémio e primeiro, segundo e terceiro prémios para dois escalões: 3º ciclo e ensino secundário. A exibição das curtas será aberta ao público, seguida pela cerimónia de entrega de prémios.

Este ano o Festival teve como tema a comemoração dos 50 anos do 25 de Abril de 1974. Os filmes, realizados pelos alunos, do 3° ciclo e ensino secundário das escolas de públicas e privadas de Almada, têm o limite de seis minutos de duração. Este ano o desafio foi criarem filmes sob a temática dos 50 Anos do 25 de abril de 1974. Liberdade, Esperança e Transformação foram o mote para as criações dos jovens. Os prémios são atribuídos aos filmes mais criativos, originais e tecnicamente mais evoluídos.

Segundo a organização, “através das curtas-metragens produzidas, os estudantes têm a oportunidade de compartilhar as suas perspectivas e contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária. O festival promove a arte e a cultura cinematográfica, estimula a colaboração entre os alunos e fortalece os laços entre a Academia Almadense e a comunidade”

O «Curtas na Margem» teve a sua primeira edição em Março de 2022 e pretende ter uma periodicidade anual a partir deste ano. Na sua primeira edição, foi organizado pelo Curso Profissional de Técnico de Multimédia, do Agrupamento de Escolas Francisco Simões, e contou com o apoio da Escola Secundária Cacilhas-Tejo. Foi um encontro de Cinema com filmes realizados por jovens almadenses, ou com fortes ligações a Almada, que decorreu na Sala Grande da Academia Almadense, com uma assistência de quase quinhentas pessoas. Muitos alunos e professores de escolas de Almada participaram nesse evento e, face a esse sucesso, ficou a perspectiva de poder ser realizada uma segunda edição, que aconteceu dois anos depois.

, , , , , , , , , , , , , ,

Sofia Quintas

Directora e jornalista do Almada Online