Cacilhas | Bombeiros Voluntários prestam tributo ao K9 Índio

Índio estava reformado desde 2021 devido à idade, mas ainda fazia esporadicamente treinos leves com a equipa dos K9 para se divertir

Índio, um cão operacional dos Bombeiros Voluntários de Cacilhas, de raça Labrador Retriever, morreu na Terça-Feira, 28 de Março, aos 15 anos, vítima de doença prolongada.

“Este elemento foi um dos canídeos operacionais que constituiu a nossa Equipa de Busca e Salvamento na altura da sua fundação, em 2019, e contava já com uma vasta experiência ao serviço de outras associações”, referem os Bombeiros Voluntários de Cacilhas numa publicação de tributo na rede social Facebook, destacando “exercícios e missões internacionais”, acompanhado do seu tutor, o bombeiro Avelino de Almeida.

O patudo estava reformado desde 2021 devido à sua idade, mas continuava a ter uma vida activa. Em Portugal este K9 era conhecido como “Imperador”, e em Espanha, onde era também muito respeitado e reconhecido, tinha a alcunha de “Canhão”.

“O Índio continuava com o seu faro apurado e fazia esporadicamente treinos leves com a equipa, para se divertir e mostrar aos mais novos como se fazia”, pode ainda ler-se na mensagem de despedida.

Os Bombeiros Voluntários de Cacilhas afirmam que a equipa “ficou mais pobre” e irão guardar “sempre as memórias da dinâmica e operacionalidade do Índio”.

Índio era também um cão muito amado pelo seu tutor, o bombeiro de 2.ª Avelino de Almeida – que foi o primeiro a reconhecer-lhe capacidades que iam além das óbvias traquinices tão próprias dos Labradores.

Foi na Segunda-Feira, 27 de Março, que Índio fez a sua última “busca”, rodeado da família e dos amigos da Equipa de Busca e Salvamento K9 dos Bombeiros Voluntários de Cacilhas. Foi um momento muito emotivo.

O seu dono despediu-se do amigo de quatro patas, publicando um vídeo de vários momentos de Índio, ressalvando que “será sempre recordado pelo seu sorriso e olhos doces.”

O Almada Online presta-lhe também a sua sentida homenagem, agradecendo-lhe a participação activa no salvamento de vidas humanas.

©Avelino de Almeida / Uma dupla que ajudou a salvar muitas vidas humanas.
, , , , , , , , ,

Sofia Quintas

Directora e jornalista do Almada Online