FCT NOVA abre 75 vagas para agendas mobilizadoras

São 14 os consórcios das Agendas Mobilizadores para a Inovação Empresarial financiados pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) em que a faculdade participa

A NOVA School of Science and Technology (FCT NOVA), cujo campus está localizado no Monte da Caparica,  anunciou a abertura de mais 75 vagas entre bolseiros, investigadores e técnicos, ao abrigo dos 14 consórcios das Agendas Mobilizadoras para a Inovação Empresarial financiadas pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) em que a faculdade participa. Os principais destinatários destes concursos são desde bolseiros recém-licenciados, de Mestrados a, investigadores com Doutoramento nas seguintes áreas de investigação: Sustentabilidade, Bioeconomia, Carbono Zero, Transformação Digital, Inovação Tecnológica e Economia Circular.

As  vagas agora anunciadas, de bolsas que irão decorrer durante 2023, dividem-se entre 37 candidaturas para bolseiros dos graus Licenciado e Mestre, mas também 38 vagas dirigidas a investigadores juniores e, auxiliares e técnicos que irão suportar todo o processo de desenvolvimento destes 14 consórcios, que receberão um financiamento total de cerca de 19 milhões de euros do PRR.

Entre os 14 consórcios aprovados encontram-se projectos distintos “desde um que se propõe a explorar os insectos como alternativa na alimentação e cosmética, passando por um projecto focado no desenvolvimento de produtos à base de celulose (para substituição de plásticos fósseis) ou, ainda, uma equipa de trabalho que pretende criar uma nova cadeira de valor na economia espacial e oferecer soluções para gerir o tráfego no espaço.”

“Reunir a academia e as empresas para se encontrarem as melhores soluções para a resiliência da nossa economia é cada vez mais fundamental. Para os 14 consórcios em que a FCT NOVA participa, ao abrigo das Agendas Mobilizadoras, será necessário encontrar os melhores talentos altamente qualificados e que tenham a capacidade de dar resposta aos objectivos estratégicos destes projectos”, afirma Eurico Cabrita, Subdiretor para Inovação e Investigação da NOVA School of Science and Technology.

As Agendas Mobilizadoras traduzem-se no maior programa de apoio empresarial integrado no PRR, com o objectivo de aumentar a competitividade e a resiliência da economia com base em Investigação e Desenvolvimento (I&D).

Sobre a NOVA School of Science and Technology

A NOVA School of Science and Technology é uma das principais faculdades de Engenharia, Ciências e Tecnologia de Portugal, reconhecida pelo seu carácter inovador, imersa num ecossistema empreendedor que se caracteriza pela forte ligação ao tecido empresarial e, pela sua comunidade de startups.

Fundada em 1977, na zona da Caparica, o campus universitário é o maior do país, com cerca de 8000 estudantes, 500 docentes, 1090 investigadores, 1180 projetos e 200 funcionários. O reconhecimento da sua oferta educativa traduz-se pelo preenchimento a 100% das vagas que oferece e é repercutido no índice de empregabilidade de 98%. O perfil diferenciador da NOVA School of Science and Technology caracteriza-se também pela resposta à dinâmica e exigência do mercado de trabalho, valorizando a integração das soft skills na sua dimensão pedagógica, através do Perfil Curricular. 

A NOVA School of Science and Technology acolhe 16 centros de investigação reconhecidos pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia. A qualidade científica reflecte-se também na produção científica, com publicações no TOP 10 das principais revistas internacionais da especialidade, sendo o espaço de ensino português com maior concentração de laboratórios CoLABs e Bolsas European Research Council (ERC). O resultado deste desempenho é a integração da faculdade na prestigiada rede de universidades tecnológicas CESAER e em consórcios com universidades europeias e dos EUA, desde a CMU à MIT. 

Além dos 15 hectares construídos, a faculdade vai expandir-se para os 17 hectares restantes, uma expansão que inclui a infraestrutura de ciência e tecnologia Madan Parque. Os planos de expansão demonstram que a NOVA School of Science and Technology é uma escola orientada para o futuro, sempre baseada numa investigação internacional de vanguarda. 

, , , , , , , , , , , , ,

Sofia Quintas

Directora e jornalista do Almada Online