Sobreda acolhe novo colégio internacional

O colégio Almada International School abre portas oficialmente em Setembro, mas as inscrições já estão abertas. Este projecto educacional bilingue tem relação estratégica com o Innovation District

O projecto de educação privada internacional, que tem como investidores um grupo sul americano, terá capacidade para 400 alunos e um investimento inicial de 4,8 milhões de Euros, abre em Setembro na Rua Quinta da Genovesa na Sobreda. Irá criar cerca de 45 novos postos de trabalho, todos eles directos, na maioria qualificados, entre pessoal docente e não docente. 

Numa primeira fase o Almada International School (AIS) terá a oferta de Creche, Jardim de Infância e 1º ciclo e, numa fase projectada para 2026/27, planeia um novo pavilhão polidesportivo e, alargar o ensino ao segundo e terceiro ciclos e ao ensino secundário. Nessa altura, com a sua expansão total, a capacidade será de 850 alunos, permitindo a realização de um percurso académico da criança, desde o seu primeiro ano de idade até ao ensino secundário. A expansão implicará um investimento total de 8 milhões de euros.

Na primeira etapa o AIS vai contar com três blocos de edifícios, destinados cada um deles a uma valência de ensino. A capacidade de alunos será de 60 na Creche, 140 no Jardim de Infância e, 200 no 1º ciclo. Num terreno com área superior a 11 mil metros quadrados, os três blocos de edifícios do projecto ocuparão uma área de construção de 2.500 metros quadrados.

“A AIS é o primeiro projecto de escola internacional que estamos a implementar, mas está integrado num plano a dez anos que tem uma clara intenção de expansão orgânica. Este é o nosso primeiro investimento que marca o início de uma caminhada que terá o seu foco e implementação na margem sul do Tejo”, avança a direcção do colégio. “Temos a ambição, no plano do projecto global a dez anos, de ter a oferta de boarding school. Não temos ainda como certa a sua localização também em Almada”, esclarecem.

A Almada International School viu Almada como uma “escolha natural”. “Afigura-se como um ponto estratégico do ponto de vista da oportunidade de implementação de um projecto educativo de carácter internacional. Este é o oitavo município mais populoso a nível nacional, de acordo com o recenceamento de 2021. É um município com visão de futuro, que está apostado em oferecer condições favoráveis ao estabelecimento de investimento estrangeiro, como o comprova a iniciativa Innovation District, dentro do qual o nosso colégio estará sediado. É, ainda, uma cidade muito próxima da capital, que oferece condições singulares para viver e crescer”, defende a direcção.

O AIS “é um colégio com uma visão holística do ensino, adaptado a um mundo onde a mudança é constante. O seu projecto educativo visa dotar os jovens com ferramentas que lhes permitam chegar mais longe academicamente, sem nunca esquecerem o meio ambiente, o respeito pelo outro e o seu autoconhecimento. Pretende-se educar para a globalização e, ao mesmo tempo, para o sucesso sustentável e equilibrado.”, pode ler-se no comunicado de imprensa enviado às redacções.

O AIS “vai promover actividades desportivas, artísticas, científicas e tecnológicas. Vai procurar ainda implementar actividades que promovam a sustentabilidade, a consciência ambiental e a regeneração ecológica, mobilizando parceiros locais, nacionais e, eventualmente internacionais.”, esclarece o mesmo comunicado.

Será ainda um colégio com foco internacional, ensino bilingue e currículo British Cambridge, onde será promovida a participação de alunos e professores em projectos e actividades educativas e formativas no estrangeiro. 

Rita Pimentel, Head of Admissions do Almada International School, e membro da Leadership Team, descreve o AIS como um projecto educativo “que propõe o acompanhamento integral da criança nas suas diversas vertentes. Conjugar estes factores com uma relação de proximidade com a Natureza, mas sem descurar a ligação à Arte e à produção intelectual como um todo, é algo que nos torna diferentes. Procuramos, igualmente, manter uma atenção extrema ao que de mais inovador vai acontecendo no mundo tecnológico, como é exemplo o estabelecimento da nossa parceria com a Kinderpedia, uma plataforma de gestão escolar que aposta na interactividade, mantendo o foco na relação próxima entre colégio e famílias, nas suas diferentes vertentes.”

Maria Flor Carrilho Líder e Coordenadora da Equipa Pedagógica de Early Years afirma que “o principal objectivo é assegurar que todas as crianças tenham um lugar feliz e seguro para brincar e aprender. Um espaço onde o ritmo e individualidade de cada um é respeitado.”

Inovação e Diferenciação na Pedagogia

Há uma relação estratégica assumida com o Innovation District de Almada, onde o AIS deseja vir a ter um papel de colégio de referência na vanguarda da tecnologia. Tem também a pretensão de ser uma escola Apple e, a adopção do currículo British Cambridge desde tenra idade. O AIS oferecerá em termos de currículo, até ao final do 1º ciclo, o Programa Bilingue para escolas promovido pelo Ministério da Educação. Há também a vontade de envolver toda a comunidade educativa, alunos, profissionais de educação e famílias, na realização de actividades educativas que reflictam a diversidade cultural do mundo actual.

Sustentabilidade

Os edifícios do Almada International School vão estar equipados com painéis fotovoltaicos e gestão inteligente na retenção de água pluvial, para utilização em regas e outras eventuais necessidades. Quanto às energias e o seu consumo, vai haver uma solução luminotécnica eficiente que permite poupanças significativas.

, , , , , , ,

Sofia Quintas

Directora e jornalista do Almada Online